WordPress Theme built by Shufflehound. Cena Universitária Nacional de Brasília ©

Alice Stefânia

Alice Stefânia é atriz, diretora, pesquisadora. Doutora em Artes Cênicas pela Universidade Federal da Bahia. É professora do Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas e Interpretação do Departamento de Artes Cênicas Universidade de Brasília (UnB) onde dirigiu, dentre outras, montagens como MalvaRosa, de Newton Moreno, premiado em festivais universitários como o FITUB, de Blumenau e o FETO de Belo Horizonte (e pelo qual foi indicada na categoria de direção no Prêmio SESC do Teatro Candango em 2011) e Mundaréu, com textos de Plínio Marcos (selecionado para o Festival Internacional Cena Contemporânea, em Brasília, em 2014). Coordena, com a Professora Rita de Almeida Castro, o grupo de pesquisa Poéticas do Corpo e integra o coletivo artístico Teatro do Instante onde vem participando como atriz e co-criadora de espetáculos Pulsações (selecionado para o Festival Internacional Cena Contemporânea, em Brasília, em 2012), À Deriva (selecionado para o Festival Internacional Cena Contemporânea, em Brasília, em 2013), pelo qual foi indicada a melhor atriz no Prêmio SESC do Teatro Candango em 2014, En Contra Experimentos (apresentado no Festival Cena Contemporânea 2015 e na sede do Teatro O Bando, em Portugal) e Do Contra, obra com atores e criação compartilhada entre o Teatro do Instante e Teatro O Bando, apresentada em Portugal. Autora de vários artigos e capítulos, em 2013 publicou o livro “Traços e devires de um corpo cênico”, pela Editora Dulcina. Neste livro narra sua pesquisa de doutorado, concluída pela UFBA em 2007, a qual gerou o premiado espetáculo solo “Traços ou quando os alicerces vergam” com o qual participou de diversas mostras e festivais no Brasil e Perú. É co-organizadora do livro “Poéticas do Corpo- Instantes em Cena”, lançado em 2017 pela Editora da UnB.

Categories